Seja um doador de Medula Óssea


1

O que é medula óssea?

A medula óssea é a matriz do sangue, ela contém as células mãe que dão origem aos glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas. A medula se localiza na parte interna dos ossos, é o que nós conhecemos como tutano.

2

Quem necessita?

Pacientes portadores de doenças que comprometem a produção do sangue pela medula, como leucemias e aplasia de medula óssea, além de crianças com determinadas doenças genéticas.

3

O que acontece...

Se não existe um doador compatível entre os familiares do paciente? Procura-se um doador compatível em um registro de doadores de medula óssea (REDOME). O registro necessita de um número elevado de voluntários para que o paciente tenha maior chance de encontrar um doador compatível. A chance de encontrar uma medula compatível é de 1 a cada 100mil.

4

Quem pode doar medula óssea?

Cadastrar é Rápido e Simples Ter entre 18 e 54 anos completo Estar em bom estado de saúde Fica impedido para doação pessoas com Histórico de Doenças oncológicas, Hepatite B e C e HIV. Documentos Necessários RG, CPF e CARTÃO SUS.
Etapas do Cadastro Fornecimento de dados pessoais, orientação e assinatura de um documento no qual você concorda ter seu nome escrito no Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (REDOME) e autoriza ser consultado/a para doar a sua medula, caso o REDOME encontre um Receptor Compatível. Coleta de 5 ml de Sangue para fazer o exame que traça seu perfil genético.
Cadastro único no Brasil Os doadores cadastrados têm seus dados enviados para o REDOME, que é designado pelo Ministério da Saúde para encontrar doadores compatível com paciente que precisam de transplante.

5

Se um doador...

Compatível é encontrado, qual o procedimento? O doador é convocado e um exame de sangue mais detalhado é realizado.

6

O que acontece?

Se houver compatibilidade, o doador será avaliado por um clínico para certificar seu bom estado de saúde. A coleta será realizada no centro de transplante mais próximo.

7

Como decidir sobre a forma de doação.

O médico vai informar sobre qual a melhor forma de coleta de células para aquele paciente. Dependendo da doença e da fase em que se encontra, o paciente pode se beneficiar mais com uma forma de doação.

8

Posso doar mais de uma vez?

Dificilmente haverá mais de uma pessoa compatível com você. No entanto, se isso ocorrer, você poderá doar outras vezes, pois, a medula se regenera rapidamente.

9

Como a medula é extraída?

Existem duas formas de doar medula:
1- Punção direta da medula óssea com a agulha na região da bacia. O procedimento é feito com anestesia e dura aproximadamente 40 minutos. O doador fica em observação por um dia e pode retornar as sua atividades no dia seguinte.
2- Doação através de punção na veia do braço utilizando máquina de aférese com agulha semelhante à de doação de sangue. O doador recebe uma medicação por cinco dias que estimula a proliferação das células mãe. Essas células migram da medula para corrente sanguínea e durante o processo de doação elas são filtradas até que obtenha o número adequado de células. Todo o processo dura cerca de 4 horas, e o único efeito colateral do medicamento é que pode provocar dor no corpo, parecido com um resfriado.

10

Como os pacientes recebem a medula óssea?

Depois de um tratamento que destrói a medula, o paciente recebe a nova medula por meio de transfusão. Em 2 semanas, a medula transplantada já estará produzindo células novas.